O tempero que une as pessoas

Chef holandês traz a alma da culinária ítalo-americana para o restautante Ziti & Co., no Downtown

O chef Mark com o parmegiana de porco do Ziti

Ele costuma fazer almoço para 20 pessoas na sua casa. Apaixonado por oferecer experiências gastronômicas espetaculares para os seus amigos, o chef holandês Mark Kwaks faz exatamente a mesma coisa para os seus clientes no restaurante Ziti & Co., recém- inaugurado no Downtown. Das mesas grandes na varanda aos pratos bem servidos, tudo no local remete a velha frase que Mark costuma dizer: “A comida une as pessoas”.

O chef não mede esforços para oferecer o melhor. A massa de sua focaccia passa mais de 24h no processo de fermentação.


”Tem uma crocância e sabor diferenci- ados”, elogiou o editor da Folha do Bosque, Luiz Neto, que esteve no local degustando a de bacon (com molho Alfredo, muçarela, tomate, cebola e manjericão), por R$ 30.


Entre outras delícias, formidáveis bolinhos de risoto com grana padano (por R$ 30) fazem parte das entradinhas, perfeitas para serem consumidas também no happy our oferecido no restaurante.


Nos pratos principais, destaque para um porco alla parmegiana de outro planeta. Empanada com farofa de focaccia, a suculenta iguaria acompanha espaghetti marinara, molho de tomate, muçarela, provolone, parmesão, cebola e salsa (R$ 48).


“O parmesão é de verdade. Tem, 12 meses de cura”, enfatiza o chef, lembrando que risotos, outras massas e carnes também fazem parte do cardápio onde todos os pratos são acompanhados por uma mini salada com foccacia de ervas, alface, molho, tomate e azeitona preta.


No apê de Mark na Barra, sua mulher, Daniela, e as duas filhas do casal, também apaixonadas por culinária, cozinham com o papai chef. Seja para as reuniões com amigos ou no almoço de família.


Mas você não precisa ir até a casa desse holandês simpático para provar do seu tempero. Basta dar um pulinho no Ziti. que fica no Downown, ao lado do Outback, bloco 7, loja 113.


Informações: 3400-7009.