Alunos de escolas da Prefeitura aproveitam Dia Olímpico no Parque Maria Lenk

A terça-feira foi de brincadeiras e jogos na Barra da Tijuca para 250 estudantes das escolas municipais Edmundo Bittencourt e Emma D'Ávila de Camilis

Clínicas esportivas, ações educativas para centenas de crianças, bate-papo com a medalhista olímpica Yane Marques e Hall da Fama com Hortência Marcari. Esta terça-feira (25/6) foi de brincadeiras e jogos para 250 estudantes das escolas municipais Edmundo Bittencourt, em Benfica, e Emma D'Ávila de Camilis, em Pedra de Guaratiba. Os alunos do 1º ao 5º ano das unidades que se tornaram, em fevereiro, Escolas Municipais Olímpicas Cariocas (EMOC) foram ao Centro de Treinamento Time Brasil, no Parque Aquático Maria Lenk, na Barra da Tijuca, para realizar diversas atividades esportivas e aprender mais sobre os valores olímpicos. A ação fez parte do projeto Dia Olímpico, uma parceria da Secretaria Municipal de Educação com o Comitê Olímpico do Brasil (COB).

O Dia Olímpico foi criado em comemoração à fundação do Comitê Olímpico Internacional (COI), instituição fundada em 1894, na Suíça, que tem o objetivo de reinstituir os Jogos Olímpicos realizados na antiga Grécia, organizar e promover a sua realização de quatro em quatro anos.

Estudante no 5º ano da Escola Municipal Olímpica Carioca Emma D’Ávila, Alice da Silva velejou pela primeira vez na vida durante a visita à sede do COB. Para a estudante, a oportunidade foi algo que ela nunca mais irá esquecer.

"Não é todo dia que a gente tem a chance de fazer um esporte tão diferente. E desde que a escola virou EMOC a gente ganhou muitas coisas, como as aulas de habilidades e movimento. Eu adoro porque é muito divertido", disse a aluna, que também assistiu uma peça de teatro sobre os valores olímpicos da amizade, excelência e respeito e experimentou karatê, basquete e beisebol.

Rainha do basquete, Hortência foi uma das convidadas que prestou sua homenagem à trajetória dos esportes olímpicos. A jogadora eternizou suas mãos no Hall da Fama do COB. Prestigiada por grandes nomes do esporte olímpico brasileiro, como Lars Grael, Luísa Parente e Patrícia Amorim, além do Diretor Geral do COB, Rogério Sampaio, o presidente do Conselho de Ética do COB, Alberto Murray, e o CEO da Confederação Brasileira de Voleibol, Radamés Lattari, a campeã mundial em 1994 e medalhista de prata em Atlanta 1996 comemorou o fato de passar a integrar um seleto grupo de ídolos do esporte nacional.

"Essa homenagem mostra que vale a pena escolher o caminho do esporte, se entregar a ele e tentar ser a melhor atleta. Não foi algo fácil, encontrei muitas dificuldades pelo caminho, mas isso me fez crescer", comentou a medalhista.

A EMOC Edmundo Bittencourt e Emma D'Ávila são unidades escolares da Prefeitura que, a partir deste ano, estão aplicando a proposta pedagógica do Transforma, fundamentada na incorporação da Cultura Corporal de Movimento (como ginástica geral, esportes de lutas, danças, jogos de tabuleiro, entre outros). Para aderir ao novo modelo, professores de todas as disciplinas, coordenadores, monitores e a direção foram capacitados pela equipe do Transforma.


© by A Folha do Bosque

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle