A dança está de volta

Updated: Aug 29

Ventre, cigana, fusion. É só escolher o ritmo, colocar a máscara e começar a se soltar

Quem diria que aqueles movimentos sensuais aliados a música e sinuosidade semelhante a uma serpente ganhariam um acessório como a máscara. Mas fique tranquila que o uso da proteção é apenas durante a aula. Pode caprichar no batom quando for dançar para o seu par romântico, que as aulas de dança do ventre do Studio Nefertari estão de volta.


“Não aguentei dar aula on-line durante mais de um mês”, diz a professora de dança do ventre e diretora do estúdio, Christina Cordeiro (foto). “Preciso corrigir os movimentos pessoalmente e não achei esse formato interessante. Tenho professoras que continuam dando aulas pela internet, mas eu não me adaptei e disse isso para as minhas alunas”, completa ela, que usa mais de três máscaras diferentes por dia. A cada hora de aula que dá ela gasta uma.


Sua companhia de dança, a Nefertari, pela primeira vez não fará uma apresentação de final de ano. Mas as aulas voltaram no ritmo do novo normal. Com 1/3 da capacidade (cinco alunas por turma), tapetes sanitizados e muito álcool em gel.


“Nossos espaços são bem arejados, com janelas amplas e isso favorece bastante”, comenta Christina, que conta com um time de mais nove professoras, que, assim como ela, também se apresentam em eventos e festas.


Além da dança do ventre, o estúdio oferece aulas de dança cigana, tribal fusion, alongamento e outros ritmos de danças étnicas (especialidade do estúdio desde 2003).


A filial da Barra da Tijuca do Studio Nefertari fica no Bosque Marapendi.

Avenida das Américas 555, 503.

Informações: 99962-3839.



© by A Folha do Bosque

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle