É Caribe que fala?

Coco Mambo faz sucesso na praia da Reserva

Garçons performáticos, balé, cardápio internacional com 217 tipo de caipirinhas. Tudo isso encarapitado no meio da Praia da Reserva, em um quiosque com mais de 500m2. Estamos falando do Coco Mambo Praia. Aberto há cerca de dois meses, o local parece ter deixado as areias da praia com grãos caribenhos.


Acostumado a marcar presença em várias festas ao redor do mundo, o proprietário da rede de bar-restaurante Coco Mambo, Jota Oliver, disse que poucas vezes sentiu uma energia igual à da festa de final de ano ocorrida no quiosque.


“Estava decorado em alto padrão, com comidas e bebidas de qualidade e impecáveis. Não deu aquelas filas gigantes de camarotes da Sapucaí. O som, a luz, as pessoas... Tudo perfeito”, comenta Oliver. “Foi uma realização pessoal poder ter dado sequência na nossa franquia na praia e poder fazer parte dessa história linda que aos poucos está conquistando outros países como Portugal e Espanha. Ainda este ano estaremos por lá”, garante.


Segundo ele, a casa não se transformou num point caribenho. “Mais do que isso. É um point carioca. Tocamos muito regaton, mass junto com todos os estilos musicais”, diz Oliver.


Aos 46 anos, o empresário passou pela experiência de falência 20 vezes antes de obter sucesso. Hoje, dono de cinco marcas além da Coco Mambo — que tem 11 restaurantes, espalhados pelo interior de São Paulo e no Rio de Janeiro — Oliver manda a casa da Reserva estourar champanhe todos os dias da semana, às 18h, para os clientes.


Além do cardápio tradicional, com comidas brasileiras e mexicanas, a novidade é o rodízio de japonês a noite e o Coco Japa, com vários combinados, que variam de R$ 30 a 135.


O camarão à paulista (R$ 80) e as farritas de picanha (R$ 74,90) estão entre os pratos mais pedidos.


O Coco Mambo fica na Ilha 9 da Praia da Reserva

Avenida Lúcio Costa, 10.820

De segunda a quinta, das 8h às 20h, e de sexta a domingo, das 8h às 22h.


Oempresário Jota Oliver (último a direita, com a taça na mão) comemorando no local o Réveillon com amigos

© by A Folha do Bosque

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle